Close

Não tem uma conta?

Faça seu registro!
lock and key

Entre na sua conta.

Login

Esqueceu sua senha?

Conheça os Jogos Enviados ao Concurso Faça Você Mesmo de Criação de Jogos!

Conheça os Jogos Enviados ao Concurso Faça Você Mesmo de Criação de Jogos!

Senhoras e senhores, depois de duas semanas de suor, dedicação e trituração de teclas, finalmente recebemos todos os jogos inscritos na brincadeira e chegamos ao final da primeira etapa do Concurso Faça Você Mesmo de Criação de Jogos! Falando com toda sinceridade, esperávamos algo como 8 ou 10 jogos, mesmo dentro de nossas expectativas mais otimistas. Afinal trata-se da primeira edição de um concurso relativamente inédito por aqui, o prazo era bem apertado e ainda batia de frente com o carnaval, período marcado por viagens, festas e gandaias. Vocês não imaginam nossa surpresa quando recebemos ao final do dia 13/03 nada menos que 28 jogos!

Obviamente ficamos muito felizes com a quantidade de pessoas que animaram em participar do concurso, e provaram que escrever um jogo, criar um RPG, desenvolver uma idéia são coisas relativamente simples e que exigem muito mais que você sente a bunda na cadeira e bata a cabeça no teclado do que algum tipo de talento ou inspiração etéreo e misterioso. Qualquer um pode criar jogos, e como tudo na vida, quanto mais você fizer, melhor vai ficar!

Só que a quase overdose de jogos que recebemos mudaram um pouco o ritmo e formato que faremos as avaliações e comentários dos jogos. Com 12 jogos seria tranqüilo lermos e discutirmos tudo em 2 semanas e divulgarmos o resultado final e avaliações de todos os jogos ainda em Março. Com quase 30 (!!!) jogos isso se torna um pouco mais complicado e estamos pensando maneiras de avaliar e comentar todos os jogos de maneira cuidadosa, sem no entanto entrarmos em um período de silêncio de rádio de 2 meses ou mais. Provavelmente faremos a divisão aleatória dos jogos em 4 grupos e postaremos os comentários e avaliações  de um grupo por semana. Mais informações sobre isso em breve, então fiquem ligados…

Por hora vamos falar um pouquinho de cada um dos jogos enviados para o Concurso Faça Você Mesmo de Criação de Jogos para que vocês tenham uma vaga idéia da diverside que temos em mãos. Vale lembrar que não lemos todos os jogos ainda, as descrições são fruto de uma olhada superficial e das definições dos próprios autores, então as coisas podem ficarem bem diferentes quando realmente fizermos a leitura completa dos jogos!

  • Abismo Infinito: Inspirado no poema Nêmesis de H. P. Lovecraft, no jogo criado por John Bogéa os personagens são tripulantes de uma expedição espacial onde a realidade se mistura a sonhos e manifestações terríveis provindas de seus próprios medos.
  • Aldebaran: Um jogo militar de invasão e conquista no qual seis raças disputam o mundo gasoso gigantesco de Aldebaran , enviado por Rodrigo Elutarck.
  • Aranhas Malditas: Os jogadores interpretam sobreviventes neste jogo que visa simular filmes de terror aonde aranhas assassinas atacam a população de uma pequena cidade indefesa, enviado pelo Phil Souza.
  • BAChARAD: Uma proposta de um sistema sistema simples e adaptável de regras genéricas, que favoreça tanto a interpretação quanto a resolução das ações, por Marcus Lins.
  • Cães de Aluguel: Profundamente influenciado pelo filme de mesmo título, o jogo sem dados de Tiago Junges busca simular as narrativas de filmes de roubos e assaltos.
  • CHAOS: A ideia principal do jogo é conduzir os personagens por lugares familiares aos jogadores, mas alterados com fortes cores de fantasia urbana, criado por Eduardo Furtado, Gabriel Zigue e Gregory Paz.
  • Cidade Nova: Jogo ambientado em um futuro distante ou não, em que um governo autoritário de uma cidade-estado usa soldados altamente especializados, representados pelos jogadores, para dominar rebeldes e grupos de resistência. Enviado por Marcelo Faria.
  • Desmortos: Criado por Pedro Moreno, Desmortos é um RPG de clima sombrio e humor ácido no qual os jogadores encarnam papéis de zumbis que buscam vingança contra o necromante que os despertaram para a não vida.
  • Escape!: Jogo de Alan Silva inspirado em jogos de escape room no qual o principal objetivo é sair de um recinto utilizando objetos encontrados na cena e o seu raciocínio.
  • Fame/Monster: Um RPG de guerrilha, transgressão e arte em um futuro corporativo distópico, inspirado no universo temático-imagético dos vídeos e músicas de Lady Gaga, desenvolvido por Remo di Sconzi.
  • Fazendeiros de Uma Terra Distante: Jogo semi-satírico sobre a difícil vida de fazendeiros em um mundo de fantasia medieval com foco na vida cotidiana dos personagens, enviado por Joao Francisco Cristeli.
  • FILME RPG: Jogo onde os jogadores interpretam atores que por sua vez interpretam diversos personagens de produções cinematográficas, enviado por Igor Moreno.
  • EMPRESA LTDA: Um jogo de poder no cenário mais cruel que existe: o mundo real! Desenvolvido por JEY Marx.
  • Invasores: Em Invasores, os jogadores farão o papel de alienígenas que vivem escondidos no meio da sociedade humana e a manipulam para conseguirem o que querem, enviado por Bryan Fury.
  • Lucha Libre – Los Heroes Del Ring: Descrito por seu criador Guilherme RODO como um “Telecatch RPG” com uma forte pegada de games de luta, onde os jogadores interpretam o papel de luchadores latino-americanos com máscaras divertidas e manobras de pancadaria ensaiada que competem pelo título de El Gran Campeón del Mundo.
  • Meu Brinquedo Preferido: Um jogo sobre o imaginário infantil que propõe através da narrativa compartilhada uma metáfora sobre o processo de amadurecimento de uma criança e da desconstrução de seus Medos, por Eduardo Caetano.
  • Nano-JEF: Jogo de Espadas, Feitiçaria e Fantasia Medieval de bolso, criado por Rafael Arenhart.
  • Onírica: O objetivo do jogo é a criação de narrativas surreais fantásticas, através da inserção de elementos caóticos na narrativa a fim de torná-la mais onírica e imprevisível, por Vitor Pissaia.
  • Power Fighters: Baseado em personagens de pura ação e artes marciais, com o objetivo de simular jogos de videogames clássicos de luta, por Ben-hur Ott.
  • Reação: Jogo sem mestre ou narrador, que tem como objetivo proporcionar uma narrativa compartilhada entre os jogadores, criado por Fernando “FenrirX” Afonso.
  • Sobrevida: Ambientado em um cenário de apocalipse zumbi, mistura elementos de RPG e estratégia, onde os jogadores interpretam figuras em evidência de sua comunidade em missões variadas ao mesmo tempo em que administram a administram, tentando manter seus membros vivos e seguros. Por José Guilherme.
  • Strategia RPG: Jogo cuja proposta é acrescentar elementos estratégicos ao jogo de RPG mas sem a utilização de miniaturas, tabuleiros e marcadores, focando estas escolhas na foram de utilização dos dados, desenvolvido por Raphael Viriato.
  • Tragoedia: Inspirado na Grécia mitológica, mas sem se ater apenas a mesma, com uma mitologia própria e uma terra fictícia com muitas influências filosóficas, criado por Ricardo Peraça.

Ufa, um bocado de coisas variadas e algumas já saltam aos olhos! Alguns dos jogos foram disponibilizados por seus autores e podem ser lidos, e perguntaremos ao restante se podemos colocar o arquivo para leitura para que acompanham nossas avaliações e façam também as suas. Mas independente de quem ganhe o concurso, gostaríamos de agradecer a todos os participantes pela disposição em focar sua criatividade por duas semanas e apostarem em nosso concurso. Mais do que ganhar a parada, acreditamos verdadeiramente que a criação de um jogo em duas semanas já é um feito digno de aplausos, e portanto todos  os bravos que enviaram seus jogos merecem  não só os agradecimentos, como também os méritos pelo sucesso do concurso e de seus eventuais frutos. Muito obrigado, vocês são fodas!

 

 

59 comentários

  • João Mariano disse:

    Excelente! Toca a trabalhar neles, então. Parabéns aos participantes!

  • Parabéns a todos! Pelo visto alguns projetos já existiam, já outros, foram mesmo criados nesse Carnaval, muito bacana!
    Sucesso para todos!

  • MalkavFelipe disse:

    “Heróis do Ringue Contra Os Zumbis Mutantes do Espaço”
    Putz…. Zumbis alienígenas?!?!? hehehe
    Esse eu quero ver como é xD

    Na verdade eu quero ver todos. Os jogadores brasileiros são realmente muito criativos. Estão todos de parabens!

  • Pedro Moreno disse:

    Cara… tem uns que parecem MUITO legais.. de verdade. Estou louco para conhecer essas loucuras…

  • Marcelo Faria disse:

    Sinceramente, gostei pelo menos do conceito de todos eles. Doido demais!

  • MalkavFelipe disse:

    Tive que voltar aqui pra comentar este jogo: “Meu Brinquedo Preferido”

    Depois de ler o arquivo do autor, me surpreendi com a qualidade e profundidade do jogo. O autor está de parabéns, e eu estou ainda mais ansioso por ler os demais jogos participantes.

  • FFenrirX disse:

    Pode colocar o link do site para o pessoal acompanhar como é o sistema:
    http://www.cavaleirosdasnoitesinsones.com.br/search?searchword=Rea%C3%A7%C3%A3o

    • Secular disse:

      Ei Fenrir, coloquei o link para seu blog já, vamos deixar o link no nome do arquivo só para baixar o jogo inteiro ok?

  • Muito bom! O pessoal está de parabéns, tanto pela iniciativa quanto pela qualidade dos trabalhos apresentados!
    Estou ansioso para conferir os que faltaram aqui.

  • Phil Souza disse:

    Estou pasmo com a qualidade dos temas escolhidos, fiquei impressionado :)

  • Secular disse:

    Mais dois jogos liberados para download pelos autores: Cães de Aluguel do Tiago Junges, e Abismo Infinito de John Bogéa. É só clicar no link nos nomes dos jogos!

  • João Mariano disse:

    Mais um “Like” para o Meu Brinquedo Preferido! Está bastante interessante. :)

  • UtarefsoN disse:

    Nossa, quantos participantes! Quando chegar do trabalho vou ler todos os que estão disponíveis, hehehe. Vou aproveitar e deixar o link para download do FILME RPG que eu enviei:
    http://www.4shared.com/document/pTNT4EiM/FILME_RPG.html

  • Alan Silva disse:

    Parabéns a todos os desenvolvedores mas em especial ao RPGBR. É um marco por assim dizer. Irá concertezar abrir muitas portas. Estou surprezo ao ver 3 pessoas competindo:

    .Ricardo peraça (Sumidodimais). Em particular adoro os posts dele no Paragons e já não o vejo desde a sua análise sobre o Old Dragon.

    .Tiago Junges – O coisinha verde autor do Mighty Blade 2 que fez engavetar o meu 3D&T Alpha. Estou balbuciando e curioso para saber de seu novo material.

    .Phil Souza – Vi muitos comentários no facebook e alguns blogs RPGísticos sempre com argumentos simples e direto.

    Os demais infelizmente não conhecia de nomes, mas a partir de hoje passo a conhecê-los. Enfim, parabéns.

  • Nossa, depois de ver as descrições dos RPGs enviados fiquei bem menos confiante! Coisas muito interessantes, algumas muito malucas, e a maioria bastante diferente!

    Estou criando muito mais coisas para o Tragoedia, o processo de criação foi muito melhor do que eu imaginava. Algumas coisas até tiveram que ficar de fora por falta de espaço. Então nas próximas semanas estarei continuando o trabalho nele, portanto não o disponibilizarei na rede.

    Meus favoritos por enquanto (vendo as descrições e um pouco dos arquivos disponibilizados) são o Abismo Infinito (gostaria de poder fazer um layout desses nos meus rpgs), Desmortos, Fame/Monsters, Onírica (já tinha feito um rpgzinho sobre sonhos um tempo atrás, e agora com o Inception esse tema vai aparecer bastante) e é claro, o Tragoedia!

    Boa sorte a todos e que vença o melhor!

    • Vitor Pissaia disse:

      O mais engraçado Peraça é que eu estou desenvolvendo um Hack do Wilderness of Mirrors do John Wick para jogar um RPG de A Origem – coloquei as primeiras idéias no fórum do garagemrpg.com.br – mas quando eu pensei no Onírica eu me esqueci completamente disso. O foco mesmo foi o filme Dublê de Anjo – The Fall, no original – e as ilustrações do Moebius.

      O que eu pretendi foi projetar um sistema que gerasse o caos do sonho sem passar por uma racionalização. Sim, é um processo racional porque senão não seria uma mecânica, mas aleatório o suficiente para que o jogador tenha que se virar com o que encontrar no pool de letras. Diferente do A Origem, aonde o sonho é um castelo de cartas que você tem que andar com cuidado para não desmoronar.

      Veja bem, gosto muito do A Origem – como cinema pipoca – e não acho que foi algum tipo de ofensa o que você comentou. Mas gostaria só de explicar que minhas fontes foram outras e que espero que quem vier a jogar – caso isso aconteça – enverede por um caminho que seja um híbrido de Senhor dos Anéis com Barão de Munchausen (!) hahahaha

      Abraços!

      • Vitor Pissaia disse:

        Senhor dos Anéis sem os elfos, os anões e a moral cristã, por favor 😛

        • Mas eu realmente não achei que você tivesse se inspirado em Inception, só comentei que com o filme o tema em si “sonhos” será cada vez mais frequente, é o que acredito. Mas é um tema muito interessante e que de fato pode ser explorado de muitas maneiras. O meu “mundo dos sonhos” que fiz há um tempo, por exemplo, é bem diferente tanto de inception quando de onírica.

  • John Bogéa disse:

    Tinha feito o Abismo Infinito só pro concurso, mas me empolguei e vou expandir ele um pouco mais. Devido ao pouco tempo e limite de páginas, muita coisa ficou de fora.

    Dentres os outros, pela descrição e lida rápida no material, gostei de “Meu brinquedo favorido” e “Onírica” (adorei a ideia do sistema de letras).

    Sem mais, fiquei feliz em ver tanta gente se esforçando pro concurso. :)

  • Remo disse:

    Pela madrugada, quanta coisa LEGAL! Assim como os organizadores do concurso, vou precisar de um bom tempo para ver tudo com cuidado — uma das raras ocasiões em que o que é bom NÃO vai durar pouco.

    Até agora, o tempo me permitiu dar uma olhada apenas no Meu Brinquedo Preferido (um jogo LINDO) e no Onírica (o conceito do sistema de letras — well played!). O EMPRESA LTDA deve ser o próximo da lista — a premissa casa demais com meu fascínio doentio pelas coisas corporativas.

    As premissas do pessoal — e as implementações que vi — chegam a me fazer sentir pedestre e conservador. Mas, ei, foi divertido paca tentar espremer o máximo possível de referências à Lady Gaga por centímetro quadrado! =D

    • Rocha disse:

      Cara, já estamos começando a leitura e realmente, tem muita coisa bacana! Acho que teremos que baixar um disco dela antes de avaliar o seu né…

      • Remo disse:

        Às vezes se pode ser referencial *demais*.

        Rota mais simples: sempre que um nome de música aparecer, cola no Youtube. A imagética dos vídeos é metade da parada.

        Foi mal…

        • Eduardo Caetano disse:

          Cara, eu acho toda a estética dela foda demais (mesmo o meu lance sendo algo mais Rock’nRoll setentista e Pós-punk oitentista… =] ), de forma que a admiro pra caralho. Principalmente pelo modo e postura como tira proveito (e sarro) com a própria celebridade.
          Os vídeos são ducaralho, e nunca imaginei ser possível tirar partido prum cenário, por mais que seja inevitável não pensar em fazê-lo…
          Bad Romance é sugestivo pacas!
          Gostaria muito de ver como ficou o resultado! Não tem um link pra gente não?

          Abraços!

  • Madjestic disse:

    ola amigos e concorrentes (hehe), realmente tem otimos temas e abordagens. venho aqui deixar o link para download do INVASORES. infelizmente na hora de mandar eu eskeci de colocar minha assinatura, e ficou com o meu nome do email =p.
    mas para os que me conhecem dos posts que faço no paragons, madjestic aqui marcando presença

    http://www.4shared.com/document/0RHI5uvg/Invasores.html

  • Eduardo Caetano disse:

    Pô, a gente podia organizar um encontro de todo mundo que participou – e quem quiser – na RPGCon desse ano, não? Uma festinha, uma pingaiada, uma mesa, uma discussão/apresentação de todas as idéias, sei lá. Um bate papo.

    Talvez ainda seja cedo, mas já vou lançando a idéia…

  • Remo disse:

    Publicado o Fame/Monster no .20:

    http://www.dot20.com.br/2011/03/16/concurso-secular-famemonster/

    (Bonus track: já vem com os defeitos apontados.)

  • Secular disse:

    Post atualizado com os jogos disponibilizados para download por seus autores. Já são 15!

  • Muitos legais os temas e as ideias!
    Eu acabei perdendo o prazo, semana passado deu branco total…
    Sucesso para todos!

  • Ae pessoal!
    Valeu pessoal da Secular! Adorei ter participado deste concurso e fiquei mt satisfeito com o Cães de Aluguel!!
    Espero ver outros concursos como este!
    E pela ideia de montar um livro com varios jogos pequenos… seria interessante mesmo!

    A melhor coisa destes concursos é que da um empurrão para terminarmos os jogos.
    15 dias foi um tempo perfeito na minha opiniáo, mas não acharia ruim se fosse um semana tb.

    Em breve escreverei uma pagina para o Cães de Aluguel no meu site. (e quem sabe colocar um nome que nao tenha direitos autorais…hehhe).

  • Pessoal, aí está o link do nosso jogo – ASGARD RPG:

    http://www.4shared.com/document/yZFPDoyF/ASGARD_RPG.html

    Um abraço a todos!

  • Demorei a comentar por que estava dando uma olhada no material, realmente fiquei surpreso com a quantidade e qualidade do material mandado, estou ansioso para receber as criticas e melhorar o Aldebaran, e também gostaria de participar de um encontro no RPGCOM.
    Como já foi dito, este concurso foi um marco no cenário do RPG nacional e espero que continue.

  • Guilherme RODO disse:

    Olá galera, apesar de achar que esses tais zumbis alienígenas do Vitor Nardino – com mérito – tenham grandes chances de quebrar as minhas duas pernas em qualquer disputa, eu também resolvi disponibilizar o “Lucha Libre – Los Heroes Del Ring” para quem curtir uma parada mais true.

    http://www.4shared.com/document/yJe4GWja/Lucha_Libre___Los_Heroes_Del_R.html

    Também vou tentar criar um tópico sobre o jogo no Garagem RPG e espero poder trocar algumas idéias com quem estiver afim de gastar os neurônios com isso.

    =D

  • João Francisco disse:

    Ainda não tive tempo de olhar nada, só no fim de semana… mas as idéias surpreenderam, muita coisa foda!
    Podem disponibilizar o meu sistema (Fazendeiros de Uma Terra Distante) à vontade!

  • JEY disse:

    Bah, muita coisa legal.

    Vou ler todos CERTO!

    Estou apostando por enquanto no Meu brinquedo favorito, mas estou muito curioso para ver o desmortos…

  • Marcelão disse:

    Sério Mesmo. Todos que eu li até agora eu gostei. Curti demais o de Lucha Libre do Rodo. O Cães de Aluguel é bem sensacional e completo. O SHH do Lisandro é criativo e prático. O meu Cidade Nova terminei muito as pressas e nem ficou tão legal assim. Acho que o pessoal da secular tinha que premiar pelo menos uns 10 desses ai!

  • Marcelão disse:

    Em tempo: o Abismo Infinito tá tão legal e completo que dá vontade de imprimir e jogar.

  • Marcelão disse:

    Pessoal da Secular, coloquem o prefixo http://docs.google.com/viewer?url= nas URLs pra gente poder ler sem precisar baixar 😉

  • Hiago "azured" disse:

    Bem aqui vai o link do Generic 2d6 para todos a quem interessar.

    http://www.4shared.com/document/ky7IkxNQ/generic_2d6_RPG.htm

    Caso queiram conhecer um pouco sobre minha pessoa acessem este link

    http://oclerigo.blogspot.com/2011/01/anuncio-equipe-do-clerigo.html

  • Te falar um negócio, gostei de praticamente todos os que eu li. Minha ideia pro Sobrevida começou a me parecer pouco interessante depois de ler umas coisas como Cães de Aluguel e Onírica. Concordo com quem disse aí que tem que ter uns 10 premiados no final.
    Passei aqui pra pedir pra linkar meu novo blog (comecei essa semana) lá no meu nome. Abraços!

  • Jaime Daniel disse:

    Olha, quando a Secular anunciou o concurso eu achei que não haveria muita coisa e nem me interessei. Mordi a língua e admito com alegria que fui surpreendido. Não li ainda os jogos disponibilizados, mas só o fato de tantas inscrições já é uma vitória.
    Parabéns para a Secular Games pela excelente (se não a melhor!) iniciativa não-comercial de incentivo a criação de material nacional nos últimos anos. Por favor, continuem!!!

    Grande abraço!

  • Gleyson disse:

    Meu brinquedo preferido me pareceu um jogo muito interessante e inteligente, fiquei maravilhado com o sistema e suas possibilidades.
    Ei Caetano, vc é psicólogo ou algo do tipo no mundo chato?

    • Eduardo Caetano disse:

      hehehe… arquiteto, faz sentido?

      O texto, principalmente a parte final(justo o sistema) pode ter ficado resumido e confuso (foi escrito nas últimas horas do domingo…), de forma que ainda vou me dedicar com carinho na elaboração, clarificação, edição, revisão e diagramação de todo o jogo.

      O mais importante acho que era passar o conceito do jogo e suas possibilidades, o que acredito ter conseguido.

      Portanto, se alguém quiser discutir qualquer coisa sobre ele,tirar dúvidas, etc… o fórum no garagem é o lugar ideal.

  • Gleyson disse:

    Abismo infinito, também está muito acima do que eu esperava, poderia ser facilmente uma publicação independente.

  • Raphael Viriato disse:

    Olá, amigos!

    Primeiramente, parabéns aos participantes, pois só pela breve descrição dos jogos já dá pra perceber o nível da coisa… E parabéns também à Secular Games, pela ótima iniciativa.

    Quanto ao meu “trabalho”, foi muito corrido, pois fiquei sabendo do concurso bem depois do seu início. Mas foi tbm proveitoso – tive umas ideias que gostei muito.

    Infelizmente, o tempo não permitiu adicionar tudo o que pensei, mas estarei trabalhando mais no sistema daqui em diante: incluindo a regra opcional de uso de cartas de baralho no lugar de dados que (acho) cheguei a mencionar no arquivo q enviei, mas não deu tempo de escrever e a resolução de conflitos sociais estrategicamente.

    Irei disponibilizar para download em breve tbm.

    Sucesso, sorte e abraços a todos.

  • Também estou surpreso com todos os sistemas, já dei uma olhadinha em alguns e o nível está bem alto! Realmente tem mta gente boa escondia por aí hein? rs

    Abraço e sucesso a todos nós!

  • Pois é, Frodo, todos estão de parabéns mesmo! E o esforço de vocês para criar o Asgard RPG mesmo com sete dias de atraso foi muito bacana. É uma pena que não tenha dado nem tempo nem espaço de vocês desenvolverem uma ambientação para o jogo que complementasse o sistema de regras, como o Matheus disse, enfocando os nove mundos da mitologia nórdica… quem sabe em edições futuras vocês não possam mostrar ainda mais o talento dessa dupla!

  • Laila - A halfing ranger disse:

    Adorei nossa aventura usando o sistema ASGARD RPG! Fazia tempo que eu e Lothger, o aesir bárbaro, estávamos afastados do RPG, graças aos nossos ratinhos de domingo, mas tivemos uma volta triunfal!
    A ambientação ficou ótima, e o sistema conseguiu ficar descomplicado e interessante ao mesmo tempo. Muito bom!
    Quem não foi, perdeu.

  • Fico muito feliz que tenha gostado, Laila. E espero que você e Lothger voltem a marcar presença em nossas mesas.

    Apesar do livro ainda possuir alguns pequenos erros devido à pressa em terminá-lo, a mecânica de jogo funcionou bem em nossa partida de teste.

    Abraço, valeu pela força.

  • Edy disse:

    Caramba, pelos resumos, acho que TODOS tem que ganhar!
    Depois vou ver com calma cada um dos disponibilizados: 30 games dá 1 RPG diferente por dia, num mês inteiro!

  • […] – do Vitor Pissaia, jogo participante do Concurso Faça Você Mesmo de Criação de Jogos do pessoal da Secular Games, e que você pode conferir e comentar no Garagem RPG On the […]

  • Kao disse:

    O bom é que tem sistemas para todos os gostos.
    O nosso Hobby melhor divulgado e abrindo portas para novatos ingressarem nele.
    Mostra também que o brasileiro sabe fazer RPG.

  • […] Rpg Sobre o Imaginário Infantil Este jogo foi desenvolvido para o Concurso: Faça Você Mesmo de Criação de Jogos da Secular Games no curto espaço de tempo de duas semanas. O arquivo que segue anexo, é […]